CFDs são instrumentos complexos e implicam um alto risco de perda rápida de dinheiro devido à alavancagem. 87.41% das contas de pequenos investidores perdem dinheiro com a negociação de CFD com este fornecedor. Deve ponderar se compreende como os CFDs funcionam e se pode assumir o alto risco de perder o seu dinheiro.

Scan to Download ios&Android APP

Classificação (Classificação de Crédito)

Informação mais aprofundada sobre classificação abaixo
Share this article

O que é uma classificação de crédito?

Qualquer pessoa que tenha alguma vez pedido dinheiro emprestado tem uma classificação, ou capacidade de credito, a qual mede a sua credibilidade e pode mudar ao longo do tempo. Mas a classificação que interessa aos mercados financeiros é aquela que é atribuída a grandes instituições, organismos municipais e governos soberanos.

Onde ouviu falar de classificação de crédito?

Quando países, como a Grã Bretanha, França e os EUA perderam a sua classificação de crédito de primeira qualidade AAA no despertar da crise financeira, isso constituiu notícia de primeira página em todo o mundo. A classificação de crédito afeta a taxa de juro que será cobrada sobre as obrigações de um emissor.

O que precisa de saber acerca de classificação de crédito...

Três agências principais dominam o negócio da classificação: Moody's, Standard & Poor's e Fitch. Cada uma delas tem um sistema de classificação ligeiramente diferente do das outras, mas, de um modo geral, AAA é a mais elevada e qualquer coisa a partir do B pequeno para baixo designa um estatuto de junk-bond (“lixo”). D refere-se a obrigações cujos emissores se encontram em incumprimento.

Se uma dívida tem uma classificação de crédito elevada isso significa que muito provavelmente a empresa ou governo em causa emissores da mesma serão capazes de a pagar em tempo devido, por isso torna-se um investimento relativamente seguro, mas normalmente de baixo rendimento. Uma dívida de taxa reduzida destina-se apenas a investidores especulativos com experiência, os quais estão preparados para assumir maior risco pelo maior rendimento destas obrigações.

Apesar de as agências serem pagas pelas instituições, entidades ou governos que classificam, estão obrigadas a rever objetivamente a saúde financeira e a capacidade de pagar a dívida depois de levarem a cabo a devida due diligence. Por essa razão, foram criticadas no despertar da crise financeira de 2008 por terem atribuído de forma enganadora elevadas classificações a investimentos insensatos.

Termos relacionados

Ainda à procura de uma corretora em que possa confiar?

Junte-se aos mais de 475.000 negociadores em todo o mundo que escolheram negociar com a Capital.com

1. Crie e verifique sua conta 2. Faça um depósito 3. Encontre a sua negociação